• Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    30

    Yves Tumor

    Heaven to a Tortured Mind

    Ao quarto álbum de originais, Sean Bowie deixa o laboratório experimental para dar ares de estrela de rock. Caso para dizer: quem o ouviu e quem o ouve.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    29

    Tony Allen & Hugh Masekela

    Rejoice

    Hugh Masekela e Tony Allen, duas figuras lendárias da música africana. O álbum saiu em março. Um mês depois, Tony Allen morreu. Ficou a alegria. Missão cumprida…

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    28

    Future Islands

    As Long As You Are

    Sam Herring deita-se no divã e faz do sexto dos Future Islands uma sala privada de terapia, num caldo de indie-pop e sintetizadores new wave. Há quem diga que estão sempre a fazer o mesmo álbum. E daí…?

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    27

    Rufus Wainwright

    Unfollow the Rules

    Oito anos depois, o irmão mais velho do clã Wainwright regressa com um disco que vai ao passado e traz de lá o melhor. Orquestrações sumptuosas ao serviço de belas canções.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    26

    Bruce Springsteen

    Letter to You

    Springsteen fala-nos de morte, envelhecimento e camaradagem. Ao vigésimo disco da (quase) sexagenária carreira, não podemos ignorar que, aos 71 anos, o Boss não quer nem saber da reforma.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    25

    Gorillaz

    Song Machine, Season One: Strange Timez

    O que fazem Robert Smith dos Cure, slowthai, Beck ou Elton John num disco dos Gorillaz…? A primeira temporada de Song Machine junta peças fabricadas numa máquina cantante e bem oleada.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    24

    Grimes

    Miss Anthropocene

    Claire Elise Boucher, mais conhecida como Grimes, confirma-se como uma das compositoras mais originais da década. Seguimos rumo ao apocalipse: mas a dançar…!

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    23

    Sufjan Stevens

    The Ascension

    Cinco anos depois de Carrie&Lowell, Sufjan Stevens regressa com um disco à altura. Uma subida aos píncaros da espiritualidade, embalada por rendilhados eletrónicos ao jeito do rapaz do Michigan.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    22

    Fleet Foxes

    Shore

    Saiu no equinócio de Outono. O nome lembra um trauma do vocalista Robin Pecknold com a água e o medo de se afogar. Canções folk-aquáticas para consolar o início da estação fria.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    21

    Run the Jewels

    RTJ4

    Em maio, gelámos com as imagens de George Floyd assassinado às mãos da polícia americana. Dias depois, os Run The Jewels esbofeteavam-nos com um disco cru e pungente, à altura do seu tempo.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    20

    Thundercat

    It Is What It Is

    O quarto álbum de Stephen Bruner foi feito na ressaca da morte do amigo Mac Miller. Caldeirada jazz, hip hop e soul cheia de ilustres como Childish Gambino ou Kamasi Washington.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    19

    Phoebe Bridgers

    Punisher

    O difícil segundo álbum saiu a Phoebe Bridgers melhor que a encomenda. Aos 26 anos, a menina e moça traz-nos da Califórnia um banho de indie-pop delicada, sofrida… mas bem-disposta

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    18

    Róisín Murphy

    Róisín Machine

    A ex-vocalista dos Moloko regressa com argumentos de peso. Róisín Machine é uma máquina de fazer dançar. E a lei de Murphy, meus caros, é para levar muito a sério…

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    17

    The Weeknd

    After Hours

    Este ano, a probabilidade de não terem escutado The Weeknd em algum momento é praticamente inexistente. Esperámos quatro anos por ele… E After Hours chega na hora certa.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    16

    Taylor Swift

    Folklore

    Nasceu do confinamento, para desconfinar as canções de Taylor Swift para lá do quarteirão da música de massas. Ao oitavo disco, a super-estrela da pop americana cai nas boas graças do povo alternativo.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    15

    Caribou

    Suddenly

    Um novo disco de Caribou que fala de mudanças repentinas na vida do canadiano Dan Snaith. A vida acontece quando menos se espera, e isso reflete-se na eletrónica de Caribou.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    14

    Moses Sumney

    græ

    Um álbum com duas partes ou dois álbuns com o mesmo nome? O compositor americano regressa em tons de cinza – ambiente soul-jazz onde a voz desenha linhas delicadas e intimistas.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    13

    Perfume Genius

    Set My Heart on Fire Immediately

    Mike Handreas acelera-nos os batimentos por minuto com o quinto dos Perfume Genius. Um disco de filigrana pop esculpido pelas mãos de ourives do produtor Blake Mills.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    12

    The Strokes

    The New Abnormal

    O regresso dos rapazes que reiventaram o rock para o século XXI. The New Abnormal já estava batizado antes da pandemia, mas caiu que nem ginjas neste tempo de nova anormalidade.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    11

    Gil Scott-Heron & Makaya McCraven

    We're New Again

    O baterista Makaya MCcraven dedica-se a reimaginar o último disco do poeta de Chicago. Já sabemos que a revolução não passa na televisão… Mas pode ser que ainda passe pela música.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    10

    Jessie Ware

    What's Your Pleasure?

    Um disco em forma de pergunta cheia de desplante, que parece uma provocação. Jessie Ware, estrela em ascensão da pop britânica, lançou um álbum solar com apetites de club noturno.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    09

    Tame Impala

    The Slow Rush

    Kevin Parker a sós com ele mesmo. Os australianos regressam com um álbum de paisagens distorcidas pelo calor, que fazem da música uma miragem de sensações pouco sóbrias.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    08

    IDLES

    Ultra Mono

    O rock dos IDLES soa a punk das entranhas. Sopapos vigorosos que os ingleses de Bristol nos aplicam não tanto no corpo, como nos nossos espíritos ociosos e conformados.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    07

    Fontaines D.C.

    A Hero's Death

    Um ano depois, os irlandeses voltam ao sétimo lugar dos melhores da Antena 3. Hero’s Death tem a morte no nome mas não vem prenunciar o fim de nada. Os rapazes passaram mal com o sucesso, mas estão de volta à luta.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    06

    SAULT

    Untitled (Rise)

    A banda mistério que não aparece, não fala, não dá entrevistas, não se exibe nas redes sociais. Em 2020 editaram dois álbuns: Untitled (Rise) foi o segundo da coleção “sem título”.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    05

    Tom Misch & Yussef Dayes

    What Kinda Music

    Tom Misch e Yussef Dayes juntaram os trapinhos para nos dar What Kinda Music: ou como dois músicos vindos de famílias diferentes podem levar ao limite a ideia de criação colaborativa.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    04

    Bob Dylan

    Rough and Rowdy Ways

    À beirinha dos 80, Dylan engendra uma viagem pela história do século XX, pejada de personagens reais, imaginárias e distorcidas ao sabor de um génio para quem ainda não se fez noite.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    03

    Fiona Apple

    Fetch the Bolt Cutters

    Um dos regressos mais fulgurantes do ano. Fiona Apple fez da reclusão dos últimos anos um álbum sublime. Ela é frágil, vulnerável e vai direta ao assunto. Diz-nos das suas fraquezas de coração aberto.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    02

    Khruangbin

    Mordechai

    Este trio do Texas faz música nas vizinhanças do psicadelismo, do funk, do disco, do afrobeat e da eletrónica contemplativa. Fazem-nos acreditar que viajar é possível, e é como se o verão pudesse não acabar.

     

  • Melhores do Ano 2020

    Álbuns Internacionais

    01

    SAULT

    Untitled (Black Is)

    Proeza inédita… dois discos no top 10 dos melhores do ano para a Antena 3. Untitled (Black Is) saiu na reação à morte de George Floyd. Banda sonora para o espírito do nosso tempo.