O telefone tocou e o batimento cardíaco da Filomena Cautela acelerou. Presidente Marcelo?