Já era altura de Sara pôr a sua própria felicidade à frente de tudo. Decidiu que, para ser feliz, vai ter de mudar muitas coisas na vida dela. Uma delas, é o seu trabalho.

Surgiu a possibilidade de ir para o Bangladesh numa missão médica e Sara decidiu agarrar a oportunidade.

“Acho que a minha missão no lar chegou ao fim. As crianças estão bem e têm quem cuide delas.”