É trabalhadora, criativa e ambiciosa. Não tem papas na língua e diz sempre aquilo que pensa, o que lhe pode trazer dissabores.

Sofia cresceu numa família de classe média de Aveiro, é a filha do meio e a única rapariga entre dois rapazes. O pai é advogado e a mãe é funcionária da Universidade de Aveiro. Sempre foi fascinada pelo mundo da comunicação e pela publicidade.

Muito aplicada nos estudos, conseguiu entrar para a faculdade que queria em Lisboa e para fazer o curso que queria, Marketing e Publicidade, que completou com distinção.

Não voltou mais a Aveiro. Tendo conhecido Teresa através duma colega de faculdade, rapidamente ficaram as melhores amigas e quando acabou o curso, Sofia teve a “cunha” da amiga para ir estagiar na agência de publicidade do pai desta. Porém, se a amizade lhe valeu a oportunidade, a verdade é que Sofia acabou por ficar na agência com todo o mérito, pois é realmente uma boa profissional.

Antes de trabalhar na agência, Sofia teve um período complicado com drogas e numa altura de maior pressão terá uma recaída, da qual tentará sair com a ajuda de Teresa e Tiago.