Os pais do Júlio passaram ao filho o gosto pela música clássica e o jazz. De tanto ouvir, nasceu o
fascínio pelo piano que, aos 9/10 anos, o levou a começar a aprender a tocar, através de vídeos do
Youtube.
Os pais aperceberam-se do talento do Júlio e, recentemente, ele começou a ter aulas.
Ainda não tem a certeza do que quer fazer profissionalmente, mas gostava muito que o seu futuro
estivesse ligado ao piano, a fazer espetáculos – adora tocar para os outros, e saber a sua opinião.
Os pais são um grande apoio e adoram ouvi-lo, mas a ideia de o inscrever no GTP foi da irmã! Júlio
gostou da ideia e decidiu arriscar pois nunca tocou em palco, para um público a sério e o palco do
GTP é uma boa estreia!
Costuma tocar de improviso.
Júlio sente-se um miúdo muito feliz, adora estar em família e fazer o que o apaixona, dar música
aos outros. Quando toca liberta todos os seus pensamentos, sente-se descontraído.