Os pais são emigrantes. O pai emigrou para a Suíça, depois foi a irmã ter com ele quando a Inês foi trabalhar como hospedeira de bordo nos Emirados Árabes Unidos. A Inês trabalhou, no Dubai, como hospedeira de bordo durante 6 anos. Um dia viu um vídeo de Pole Dance, apaixonou-se e acabou por desistir da carreira que tinha e dedicar se à área artística.

Frequentou aulas e formou-se em Pole Dance com as melhores, a nível mundial, e começou a dar aulas de dança. No início, os pais não aceitaram muito a troca de profissão, por a filha ter trocado uma vida certa por uma incerta. Mas depois acabaram por aceitar e, hoje, em dia aceitam e têm muito orgulho no seu trabalho.

Além disso, criou a sua própria marca de roupa também no Dubai. Quando já tinha uma vida estável, decidiu regressar a Portugal e abrir a sua própria escola de dança «Pole Dance Portugal».

Em Portugal tem apenas os a vós maternos e paternos, tios e primos maternos e paternos.

Atualmente, vive em Portugal, tem a sua escola de dança, dá aulas e é mãe solteira. Sente-se totalmente realizada e muito estável a nível profissional.

Não foi ter com os pais à Suíça e não abriu lá a escola de dança porque ela sempre disse que quando saísse do Dubai seria para regressar ao seu país de origem Portugal.

É professora de dança há 1 ano, a primeira vez que atuou em público foi há 2 anos e faz Pole Dance há 5 anos.