Série de ficção familiar, moderna e refrescante, passada no cenário idílico de Moledo sobre umas férias de Verão repletas de amizade, paixão e aventura.

MANEL (38) é um pai à procura de um momento de calma após um divórcio recente. Com a chegada das primeiras férias sozinho com os filhos, decide levar LEONOR (11) e RODRIGO (13) a passarem o Verão no sítio onde viveu os melhores momentos da sua juventude: o concelho de Caminha, no Minho, junto à praia de postal de Moledo.

MANEL acredita que aqui poderá começar um novo capítulo e recuperar a relação com os filhos, que foi desgastada por meses de tensão com a ex-mulher. LEONOR fica feliz por passar as férias com o pai, mas RODRIGO preferia estar no Algarve com a mãe e perto dos amigos. MANEL tem de contrariar a resistência do filho mais velho ao mesmo tempo que outro problema surge… Mal chegam a Moledo, MANEL reencontra FILIPA (38), uma antiga paixão de adolescência do tempo em que ambos passavam férias em Moledo com os pais. A relação deles foi mais do que um simples namoro de verão e este encontro vai reacender uma paixão que nunca chegou a terminar…

Quando FILIPA foi estudar para a Universidade de Barcelona, a distância acabou por afastá-la de MANEL e cada um seguiu o seu caminho. Ele casou, teve dois filhos e ela fez precisamente o mesmo. FILIPA é casada com KIKO (40), um homem que vive da adrenalina, incapaz de ficar muito tempo parado no mesmo sítio.

 

 

No início foi a faceta aventureira do marido que a apaixonou, mas conforme os anos passaram o desgaste na relação foi aumentando e agora vivem cada vez mais de costas voltadas. Acaba por ser GRAÇA (12), a filha de ambos, que continua a segurar o casal junto. GRAÇA e LEONOR ficam amigas mal se conhecem. Já RODRIGO prefere não criar amizades em Moledo e fica ainda mais chateado quando se cruza com TRISTÃO (13), um jovem local. Eles chocam logo, até de forma literal, e a animosidade entre os dois é grande, mas com o tempo a rivalidade vai darlugar a uma grande amizade. A este grupo junta-se ainda VASCO (11), o sabichão de serviço, que está a passar as férias em Moledo com os avós.

RODRIGO, LEONOR, GRAÇA, TRISTÃO e VASCO vão formar um grupo inseparável de amigos e viver aventuras inesperadas em que a inocência da juventude se mistura com a vontade pela descoberta do mundo. Apesar do medo inicial por DIEGO (65), um velho guitarrista galego que vive num moinho junto à praia, ele vai tornar-se o amigo de todas as aventuras, aquele a quem o grupo recorre sempre que encontra um problema que não consegue resolver. DIEGO é o exemplo da sinergia que existe entre Minho e Galiza, povos irmãos, dois lados do mesmo abraço de terra ao rio.

Ao mesmo tempo, os jovens amigos contam com a oposição de JOSÉ (19), nadador salvador da praia de Moledo que não vê com bons olhos as suas tropelias. MATEUS (24), professor da escola de surf, diverte-se com as aventuras dos mais novos e ajuda-os a ridicularizar JOSÉ sempre que consegue. A este grupo vai juntar-se RITA (26) que aparece na praia a vender bolas de Berlim e a deixar os homens de queixo caído com o seu corpo escultural. Apesar das tentativas dos rapazes em conhecerem-na e conquistarem-na, RITA mantém as distâncias e o seu passado em segredo, ninguém percebe como nem porque razão ela apareceu agora em Moledo…

 

 

Mas há mais figuras que vamos conhecer na descoberta de Moledo. Como os pais de TRISTÃO, ANTÓNIO (38) e ROSÁRIO (35), um casal de Moledo que explora um dos bares da praia, onde se realizam festas e actividades para os veraneantes. ANTÓNIO é também pescador em Vila Praia de Âncora e tem como braço direito XAVIER (20 anos), um jovem muito inteligente, que nunca quis abandonar a terra, apesar da sua namorada, ANA (20), filha de ANTÓNIO e ROSÁRIO, ter saído de Caminha para estudar medicina no Porto. Vamos ainda conhecer ÓSCAR (67) e MERCEDES (52), os avós de VASCO, que são um casal da classe alta portuense que sempre passou as férias em Moledo e que se passeia pela terra como se estivessem sempre num evento de gala de alta sociedade.

Com um cenário paradisíaco como fundo, a Foz do Minho, ponto de encontro entre o Minho e a Galiza, e de uma beleza única, esta região vai ter uma importância tão grande quanto a das próprias personagens. É este o palco para histórias humanas e comoventes e onde qualquer aventura é possível. VERÃO M é uma série para todas as idades, um reavivar de memórias de infância comuns a todos, onde as paixões dos adultos e as descobertas da juventude fazem um verão inesquecível!