48 anos, uma figura impecável e um sorriso ensaiado horas em frente ao espelho, o Primeiro-Ministro representa a última esperança da maioria dos portugueses que o elegeram graças às suas características voluntaristas.

A maioria acredita na sua seriedade, mas os laços com o submundo da política e dos negócios fazem parte da sua biografia e ajudam a explicar como chegou a sentar-se na cadeira que ocupa.

Sempre acossado nos media, revela comportamentos ora coléricos, ora desnorteados, que acabam por arrastar os seus colaboradores para situações embaraçosas e difíceis.