A RTP, enquanto serviço público de media, procura estimular a criatividade e a inovação. E, por isso, de forma pioneira, criou o RTP Lab, um laboratório criativo e experimental, com novas formas de produção de conteúdos, pensadas numa lógica multiplataformas.

Assim, foi feita uma consulta de conteúdos, dirigida a todo o público, na procura de géneros de ficção e humor que utilizem novas formas de narrativa em ambientes exclusivamente digitais. Depois da candidatura de vários projetos, a RTP escolheu quatro que nascem e vivem unicamente no meio digital.

Foram selecionados projetos que integrem interação com o conteúdo na forma como a história é contada ou distribuída e que sejam totalmente desenvolvidos num ambiente digital” – João Pedro Galveias, Direção de Multimédia da RTP.

A partir deste mês vai ser possível acompanhar em exclusivo nas várias plataformas digitais da RTP (RTP PlayYouTube e Redes Sociais) quatro séries de ficção nacional:

 

AMNÉSIA:
Um thriller policial vertiginoso – Estreia a 30 de outubro na RTP PlayYouTube e Instagram

Amnésia é um thriller policial que conta a história de Joana Almeida (Ana Vilela da Costa), uma jovem blogger de sucesso que, na manhã da publicação do seu primeiro romance enquanto autora, acorda com o seu namorado, Carlos (Nuno Janeiro), morto a seu lado.

A beActive, que sempre apostou na inovação, não podia deixar de se associar a esta iniciativa e, por isso, desenvolveu a AMNÉSIA, uma experiência interativa que cruza uma história linear com as novas funcionalidades das redes sociais, nomeadamente o Instagram. Pela primeira vez vamos contar uma história em que algumas cenas irão desaparecer ao fim de 24 horas“. – Nuno Bernardo, beActive Entertainment.

 

#CASADOCAIS:
Cinco amigos peculiares – Estreia em janeiro na RTP Play e no YouTube

Ema vem para Lisboa e partilha casa com quatro amigos excêntricos. Histórias sem tabus sobre o que é ser jovem no novo milénio (o sexo, o álcool, as drogas, as festas, a busca de emprego e o amadurecimento).

A Casa do Cais é o materializar do sonho de produzir uma série de comédia com que a nossa geração se consiga identificar. É fantástico ter a oportunidade de mostrar realidades e mentalidades diferentes, assim como a aventura que é ser jovem hoje me dia, numa linguagem atual, crua e cómica“. – Peperan.

 

SUBSOLO:
Uma geração à procura numa Lisboa marginal – Estreia em janeiro na RTP Play e YouTube

Um grupo de jovens com que raramente nos cruzaríamos contam a sua história de sobrevivência numa cidade de sombras e escuridão.

O SUBSOLO surgiu de uma ideia do coletivo VIDEOLOTION que, depois de apresentada à RTP, passou de uma série de ficção de 10 episódios a uma websérie de 5 episódios, com o objetivo de fazer ficção de qualidade cinematográfica num formato a que esta característica não é comum. O interesse em realizar o SUBSOLO nasce da vontade de mostrar um retrato de uma geração, num formato de guerrilha mas que vinga pela particularidade do conteúdo“. – Joana Peralta, VideoLotion.

 

APPAIXONADOS:
Comédia romântica interativa onde o público faz de cupido – Estreia em fevereiro na RTP PlayYoutube APP móvel

Ana Real, 32 anos, está solteira há três e decide procurar o amor na internet. Regista-se numa aplicação, onde os utilizadores fazem de casamenteiro e votam no blind date que querem ver na semana seguinte.

No Appaixonados, o espetador pode escolher quem vão ser os próximos encontros da Ana. A direção da narrativa é escolhida por todos e a equipa de escrita vai ter de adaptar-se de semana a semana. A App dos Appaixonados vai permitir a qualquer pessoa participar na escrita da série e decidir o destino romântico da Ana“. – Guilherme Trindade, Ankylosaur