Emitido

2018/01/13

Episódio nº 38

 

Convidados

Catarina Duff Burnay (UCP);

João Pedro Figueiredo (ERC);

Luís Silveira; Vera Roquette;

Gonçalo Madaíl;

Daniel Deusdado;

 

Texto do Provedor

Tentámos explicar-lhe por que razão um certo tipo de conteúdos televisivos é sempre emitido dentro de uma determinada faixa horária e não noutra. Abordámos os critérios que cada canal segue para arrumar os diferentes programas ao longo das 24 horas do dia. Ouvimos as explicações dos mais diretos responsáveis sobre as razões que levam a mudanças nos horários de emissão previstos e anunciados. E foi-nos garantido que sempre que se torna necessário proceder a alterações de última hora na programação, os telespetadores são devidamente avisados.

Vimos também que, apesar de serem mais frequentes na televisão pública do que nos canais privados, as alterações de horários que ocorreram ao longo do ano de 2017 foram determinadas por razões ponderosas. E, por isso mesmo, as justificações para essas mudanças obtiveram acolhimento junto da Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC).

Tudo visto e explicado fico, contudo, com a sensação de que alguns dos telespetadores queixosos permanecem céticos. Ou porque não viram o último episódio da sua série favorita devidamente assinalado. Ou porque a hora de emissão de um formato a que estavam habituados foi mudada. Ou ainda porque um episódio não foi emitido no dia habitual, por causa de uma qualquer transmissão em direto. Ou, finalmente, porque o teletexto continua a afirmar que está a ser emitido um programa que manifestamente não é aquele que eu estou a ver.

Não há dúvida: as alterações de grelha, o fim da emissão de séries, programas e formatos, bem como mudanças no conteúdo, ou nos apresentadores, de um programa são quase sempre más notícias para os telespetadores. Que é preciso avisar de modo mais insistente e recorrendo a várias plataformas. Usando sobretudo a melhor delas que é o próprio canal onde a modificação vai acontecer. Seja ela programada ou imprevista.

Eu sou o seu Provedor. Não esqueça, pode contar comigo.

 

Veja o episódio completo aqui