50 anos. Estrela portuguesa de Hollywood, Tony Santa Clara aceita fazer de D. João VI na novela. É a grande estrela da grande produção, e exige ser tratado à altura. Com uma vida familiar e pessoal conturbada, Tony cedo começa a fazer manchetes: casado e com dois filhos, primeiro, envolve-se com Thaís e, depois, vê-se a braços com Pilar, a mulher, que anuncia publicamente a separação.

Tony vive perigosamente entre dois mundos: o das celebridades, em que tudo é permitido, e o da família, que exige tranquilidade. Irónico, sarcástico e conhecedor do mundo do cinema e da televisão, é também um excelente pai de Frederico e de Glória. O acordo que faz com Pilar – de permanecerem casados até ao fim da novela para satisfazer a produção e o público – é o seu calcanhar de Aquiles.