Natural de Loures, foi criada no seio duma família de classe média. Começou a trabalhar para a central de Táxis rapidamente foi promovida a responsável. Gosta muito do que faz e leva o seu trabalho muito a sério, não admite falhas de profissionalismo a ninguém.

Regina é solteira e quando é questionada sobre este assunto dá sempre a entender que não há homem que esteja à altura das suas exigências. No trabalho, Regina é uma pequena ditadora com os seus subalternos, pois defende que só consegue impor ordem e respeito num mundo maioritariamente masculino se mantiver uma postura sempre autoritária e intransigente.

Dura, mas no fundo com um coração mole. É exigente consigo e com os outros, não tolera pessoas fracas nem com problemas e por isso está sempre contra os colegas.