Sinopses

Próximos episódios

Episódio 39

  • A emitir em 2017-02-24
  • na RTP1
João queixa-se à mãe do pai não o estar a ajudar, Cremilde explica-lhe que ele precisa de estar sossegado. João não se mostra sensível e pede à mãe para ir ter com Rita, mas Cremilde não deixa. Decide ir ter com António, que ao vê-la a chorar, pede-lhe para não voltar a procurar Manuela e que caso o inspetor venha falar com ela, não confirme que foi ele. Cremilde fica muito assustada por ter de mentir.
Rogério conta a Telmo que a única razão para ele frequentar as aulas de dança é poder estar próximo de Evelina. Telmo disponibiliza-se a lançar as cartas para saber o futuro deles, mas Rogério não quer.
Felícia tenta saber o que se passa com o seu sobrinho e pede informações sobre a tal namorada a Luís. Assim que percebe que eles ainda não são namorados, Felícia receia que Rogério sofra de amores. Felícia aborda o assunto Pedro Homem com Carmen, mas ela corta a conversa.
Carmen vai visitar Pedro, diz-lhe que não quer abdicar do amor deles, mostra-se disponível para viver novamente essa paixão, que sabe existir entre eles. Mas Pedro, volta a visualizar a imagem dela morta e pede-lhe para que saia de sua casa e que o deixe em paz. Carmen vai-se embora, completamente arrasada.
Romão conta a Manuela que Carmen tem tentado obter financiamento nos bancos. Comenta que já influenciou os gestores e que está prestes a fazer a sua proposta a Carmen. Ricardo vai pedir apoio a Manuela para reconquistar Sofia. A vidente diz-lhe para ter calma, que o assunto não estava esquecido e que ela irá tratar disso.
Luís conta a Sofia que vai ser difícil obterem o financiamento e que provavelmente vão ter de despedir alguém.
Apesar de faltarem alguns alunos, a aula de Dulce começa. Assim que Telmo e Rogério chegam, a professora indica-lhes os pares a formar. Telmo fica com Evelina e Rogério fica com Arnaldo.
Júlia vai à farmácia e acaba por desabafar com Sofia que tem muitos problemas com Alzira. A farmacêutica aconselha-a a pedir-lhe desculpa para ficarem bem.
Romão vai à herdade das Estevas apresentar a sua proposta de compra, mas Carmen comunica-lhe que não está interessada em vender os terrenos, independentemente do
valor. Romão deixa ficar um papel, onde assinalou o valor que oferece pelas terras, caso Carmen pretenda reconsiderar. Luís fica entusiasmado pela proposta e tenta convencer a mãe a aceitar, considera que os seus problemas ficariam resolvidos.
Ler mais >

Episódio 40

  • A emitir em 2017-02-27
  • na RTP1
Sofia recebe a visita do seu pai, os dois comentam que o ambiente entre eles está mais afável. À saída encontra Ricardo e relembra-o da conversa, Sofia estranha o comentário e pergunta ao ex-namorado do que se trata, ele mente, dizendo que falaram acerca de medicinas alternativas.
Manuela conta a Cândida que recebeu a visita da fiscalização médica e que receia o que possa acontecer. Adelaide chega bem arranjada e conta-lhes de que vai a uma consulta com o Dr. Jorge. Cândida quer acompanha-la, mas ela diz-lhe que já combinou ir com Sofia. Manuela culpa Pedro por todo o descontrolo na sua vida.
Raul chega ao restaurante e depara-se com o caos. Ao assistir à sua mãe a destratar os clientes, pede-lhe que resolva o problema de imediato e vá pedir desculpa a Alzira. Júlia em vez disso sugere que ele contrate alguém para o lugar da mulher e fica amuada.
No clube de pesca, António e Cremilde não têm mãos a medir, estão a entrar muitos clientes vindos do restaurante sericaia a queixarem-se de mau atendimento. Gil entra no clube, António fica desconfortável, mas para surpresa dele, o rapaz só pretende almoçar. Cremilde comenta com o marido que pode confiar que vai correr tudo bem, se não, Gil já teria reagido.
Romão comenta com Manuela, que Carmen não está interessada em vender os terrenos. No entanto, ele não vai desistir da compra, em vez disso, vai dificultar-lhe a obtenção do financiamento, para que ela não tenha outra opção. Manuela conta-lhe da visita do fiscal e Romão aconselha-a.
Luís conta a Rogério a proposta de Romão, ambos consideram o valor muito bom, o que deixa Rogério muito intrigado.
Domingos volta a treinar Evelina, Sandra aparece e entra na conversa, propondo à amiga que faça massagens adelgaçantes e mesoterapia.
Jorge conta a Pedro que o fiscal esteve em Montemor, está confiante de que ele irá punir a Manuela e fazer justiça. Pedro considera-a muito inteligente e acredita que deve ter eliminado todas as provas. O seu maior receio é que Ricardo seja pessoa para deitar as culpas na Sofia, só para se safar.
A aula de dança conta com mais uma aluna, Alzira junta-se ao grupo. Sandra fica feliz e pede a Rogério que dance com ela, deixando-o frustrado por não conseguir fazer par com Evelina.
Sandra explica a Evelina todos os tratamentos que existem para perder peso. Como nenhum vai ao agrado da bombeira, Sandra sugere que ela volte a praticar exercício. Evelina diz-lhe que os treinos fizeram-na ganhar peso, por isso pede à amiga que encontre outra possibilidade.
Rita chega a casa acompanhada por João. Cândida tenta evitar que ele vá ao seu quarto, mas a neta argumenta que ele precisa de escolher uns Cd´s e avançam. Ao entrar no quarto, Rita fecha a porta à chave e os dois beijam-se. Cândida apercebe-se de que estão trancados e ameaça a neta, dizendo que vai contar ao seu pai. Abre-se a porta, João vai-se embora e Rita fica furiosa.
Manuela chega à farmácia e Sofia diz-lhe que está de saída, para ir ao médico com a tia Adelaide. A mãe diz-lhe que a saúde da irmã deixou de lhe interessar, tem uma preocupação maior, porque Luís não é a escolha certa para ela.
Ler mais >

Episódio 41

  • A emitir em 2017-02-28
  • na RTP1
Alzira recusa voltar ao restaurante. Segundo ela só volta quando Júlia lhe pedir desculpa.
Júlia vai visitar Cândida, pede-lhe para limpar o mau-olhado que a nora lhe terá lançado. Cândida entrega-lhe um saquinho de ervas para beber numa infusão e alerta-a de que não servirá de nada se ela não falar com a Alzira.
Rita quer ir morar com Sofia, quer a sua independência, Afirma que em casa a tratam como uma criança. Sofia não alimenta a ideia.
Sandra convence Evelina a fazer um tratamento muito eficaz para perder peso.
Romão recebe a visita do fiscal do ministério do ambiente e fica satisfeito por ele lhe dizer que tão cedo não pretende voltar lá. Assim que fica sozinho, dá a indicação a Gil para reabrir o matadouro, e que apesar de não ter a Etar a funcionar, ele irá pessoalmente resolver o problema das descargas.
Raul fala com a mãe, tenta convencê-la a ir falar com Alzira, mas sem sucesso. Raúl começa a desconfiar que as queixas de saúde são mentira. Júlia apercebe-se que o filho não está bem com ela.
Evelina conta aos amigos que decidiu esquecer a ideia de perder peso, e resolveu aceitar-se como é. Ao tocar na máquina de café, Evelina apanha um choque. Sandra toca-lhe para a ajudar e também apanha um choque. Ficam todos alarmados por Evelina estar assim, acreditam que seja por causa do tratamento.
Adelaide chega a casa muito bem-disposta, conta que foi ao médico, que esteve com Sofia e depois com Pedro. Manuela fica furiosa.
Jorge visita Carmen e conta-lhe teve a informação que Romão está a cumprir com as suas obrigações, sob as orientações do ministério do ambiente. Carmen conta a Jorge que Pedro lhe disse que não estão destinados um para o outro, que é impossível ficarem juntos porque o destino não permite. O médico lamenta e confessa não entender.
Romão aparece no clube de pesca, dirige-se a António, dá-lhe indicação para ele deixar de fazer queixas das descargas e que controle o grupo dos pescadores, caso contrário pode temer pela saúde de João. António fica consternado, mas confirma que não fará nova denuncia.
Manuela pede ajuda à mãe para ir falar com Sofia, precisa de se reaproximar da filha e traze-la de volta para a família.
Raul conversa com Alzira e promete-lhe que sua mãe lhe irá pedir desculpa no dia seguinte. A mulher fica feliz por poder voltar e segue para a cozinha.
Ler mais >

Episódio 42

  • A emitir em 2017-03-01
  • na RTP1
Romão conta a Manuela que foi falar com o António e que os problemas com os pescadores vão acabar. Manuela está preocupada pois o telefonema que o Pedro fez para o programa fez baixar as audiências e por isso vai antecipar o lançamento do livro.
Jorge comenta com Pedro que fisicamente Carmen está bem, mas que ela está um enorme desgosto por se sentir rejeitada. Pedro pede-lhe para que não volte a falar nela.
Luís conta a Sofia que a sua mãe não quer vender os terrenos a Romão. Ele lamenta porque gostava de resolver a situação financeira em que se encontram. Sofia fica intrigada por Romão estar tão interessado nos terrenos. Luís julga ser para aumentar as instalações e mostra-se esperançado que ele não desista dos terrenos.
Gil vai ao quartel para se inscrever nas aulas de dança, encontra-se com o seu pai e conta-lhe a sua intenção, mas o comandante não o recebe bem. Valentim pede a Domingos e Arnaldo que secretamente fiquem de olho nele.
Júlia vai ter com Cândida para lhe dizer que já bebeu o chá mas continua com mau-olhado. A vidente justifica que não fez efeito porque ela ainda não falou com a nora.
Carmen comenta com Valentim o que sente em relação a vender os terrenos a Romão. No entanto, o comandante considera ser um bom negócio e que a proposta chega na altura certa.
Manuela prepara o lançamento do livro está entusiasmada com as confirmações. Manuela comenta com Graça que tem de conseguir que as suas filhas estejam presentes. Graça estranha o comentário e a Vidente comenta que Rita, apesar de não querer, vai acabar por ir. Mas Sofia é um caso mais complicado porque anda desavinda das obrigações familiares.
Cândida visita Sofia, é recebida de forma fria, e perante o convite para ir jantar a sua casa, relembra o que fizeram à sua tia Adelaide, pelo que não lhe apetece estar na sua companhia. Cândida finge-se magoada e pede-lhe que tente desculpar Manuela, mas Sofia não se comove. Ricardo, assim que Cândida sai, tenta apoiar Sofia, mas ela não lhe dá espaço.
Luís vai buscar Sofia à farmácia, e encontra Dona Júlia que comenta com eles que parecem estar a continuar o que os seus pais começaram. Perante o espanto deles, conta-lhes que Carmen e Pedro estiveram para casar. Luís e Sofia saem, mas Ricardo fica intrigado e pede-lhe mais pormenores.
Romão e Sandra estão no gabinete. Ela, muito sedutora, usa uma nova lingerie e pressiona-o a deixar a família. Estão os dois muito envolvidos quando Rita bate à porta e decide entrar, ficando em choque com o que vê.
Ler mais >

Episódio 43

  • A emitir em 2017-03-02
  • na RTP1
Romão conta a Manuela que foi falar com o António e que os problemas com os pescadores vão acabar. Manuela está preocupada pois o telefonema que o Pedro fez para o programa fez baixar as audiências e por isso vai antecipar o lançamento do livro.
Jorge comenta com Pedro que fisicamente Carmen está bem, mas que ela está um enorme desgosto por se sentir rejeitada. Pedro pede-lhe para que não volte a falar nela.
Luís conta a Sofia que a sua mãe não quer vender os terrenos a Romão. Ele lamenta porque gostava de resolver a situação financeira em que se encontram. Sofia fica intrigada por Romão estar tão interessado nos terrenos. Luís julga ser para aumentar as instalações e mostra-se esperançado que ele não desista dos terrenos.
Gil vai ao quartel para se inscrever nas aulas de dança, encontra-se com o seu pai e conta-lhe a sua intenção, mas o comandante não o recebe bem. Valentim pede a Domingos e Arnaldo que secretamente fiquem de olho nele.
Júlia vai ter com Cândida para lhe dizer que já bebeu o chá mas continua com mau-olhado. A vidente justifica que não fez efeito porque ela ainda não falou com a nora.
Carmen comenta com Valentim o que sente em relação a vender os terrenos a Romão. No entanto, o comandante considera ser um bom negócio e que a proposta chega na altura certa.
Manuela prepara o lançamento do livro está entusiasmada com as confirmações. Manuela comenta com Graça que tem de conseguir que as suas filhas estejam presentes. Graça estranha o comentário e a Vidente comenta que Rita, apesar de não querer, vai acabar por ir. Mas Sofia é um caso mais complicado porque anda desavinda das obrigações familiares.
Cândida visita Sofia, é recebida de forma fria, e perante o convite para ir jantar a sua casa, relembra o que fizeram à sua tia Adelaide, pelo que não lhe apetece estar na sua companhia. Cândida finge-se magoada e pede-lhe que tente desculpar Manuela, mas Sofia não se comove. Ricardo, assim que Cândida sai, tenta apoiar Sofia, mas ela não lhe dá espaço.
Luís vai buscar Sofia à farmácia, e encontra Dona Júlia que comenta com eles que parecem estar a continuar o que os seus pais começaram. Perante o espanto deles, conta-lhes que Carmen e Pedro estiveram para casar. Luís e Sofia saem, mas Ricardo fica intrigado e pede-lhe mais pormenores.
Romão e Sandra estão no gabinete. Ela, muito sedutora, usa uma nova lingerie e pressiona-o a deixar a família. Estão os dois muito envolvidos quando Rita bate à porta e decide entrar, ficando em choque com o que vê.
Ler mais >

Episódios anteriores

Episódio 38

  • Emitido em 2017-02-23
  • na RTP1
No clube de pesca está uma azáfama. António quer atender os clientes, mas acusa alguma atrapalhação por estar sem Cremilde. Os clientes quase todos pedem sericaia para sobremesa e ele só tem salada de frutas para lhes oferecer. João namorisca com Rita em vez de ajudar o pai, o que deixa António ainda mais rabugento.
Romão recebe a visita do Inspetor da Polícia Judiciária e percebe que a polícia equaciona a possibilidade de ter sido ele que provocou o incêndio, para lucrar com o seguro. Porém, Romão nega veemente. O inspetor relembra-o que não se pode ausentar de Montemor sem o informar.
Cremilde vai procurar Manuela e acaba por confessar que foi António que ateou fogo à pecuária. A vidente finge que já sabia e assim que Cremilde sai, liga para Romão para lhe contar.
Os bombeiros regressam ao quartel. Valentim mostra-se muito satisfeito com o desempenho de Arnaldo. Domingos também acaba de chegar e é surpreendido pelo comandante que o questiona porque não estava no quartel. Domingos mente dizendo que foi procurar umas peças para o autotanque. Valentim pergunta-lhe se a situação do dinheiro já foi resolvida e Domingos pede-lhe mais tempo. O comandante diz-lhe que o tempo e a paciência dele estão a esgotar-se. Mal Valentim vira costas, Domingos conta aos amigos que está muito aliviado, foi à albufeira e viu o Almansinho. Para provar mostra as fotografias, mas ninguém vê o monstro.
Luís e Carmen chegam a casa muito desanimados. Luís põe a hipótese de se vender uma parte dos terrenos, mas Carmen nem quer ouvir falar disso, a herdade foi uma herança de família.
Gil dá a entender a Ricardo que Romão pode vir a mudar de área de negócio, o que deixa Ricardo muito curioso. Ricardo diz a Gil que não está disposto a desistir de Sofia, mas que a estratégia não tem resultado e por isso está a pensar numa nova abordagem.
Romão chega a casa e Manuela conta-lhe a novidade. Cremilde confessou-lhe que foi o marido que incendiou a Pecuária. Romão fica furioso e promete dar cabo de António, mas Manuela demove-o e diz-lhe que devia servir-se desta informação para o ter na mão. Romão fica maravilhado com essa possibilidade.
Cremilde regressa ao clube e conta a António que foi falar com Manuela, explica ao marido que não estava a aguentar esse enorme segredo dentro dela e que foi assumir o crime que ele cometeu, para obterem perdão e clemência. António fica incrédulo e simultaneamente furioso com a ingenuidade da mulher, e diz-lhe que agora ele corre risco de vida, pois Romão não o irá perdoar.
Uma mulher procura Pedro para lhe pedir que a ajude a conseguir emprego. Ela conta-lhe que fez e comprou tudo o que a Manuela lhe indicou, mas não resolveu o problema. Pedro aconselha-a a acreditar mais nela própria, a ir a entrevistas e começar por sorrir. Chega Jorge que comenta com Pedro que lhe pediram mais informações acerca dos comprimidos de Manuela. Pedro está apreensivo que o processo traga problemas a Sofia, mas que estará sempre a seu lado. Jorge pergunta-lhe como se tem sentido e relembra-o de que existe uma cirurgia que o pode salvar.
O jantar na herdade das Estevas está muito animado. Sofia conta algumas peripécias que acontecem na farmácia e Carmen pergunta-lhe como está a ser a reação de Ricardo. Sofia conta que está a portar-se bem, sem problemas. Quando Carmen pergunta pela reação do pai dela ao namoro deles, Sofia conta-lhe que o pai só a quer ver feliz. Luís fica espantado e contente pela namorada ter chamado pai a Pedro. Nesse momento, Sofia também repara no que acabou de dizer. Carmen sorri, compreensiva.
Ler mais >

Episódio 37

  • Emitido em 2017-02-22
  • na RTP1
Alzira fica triste pois os seus clientes já não querem a sericaia. Júlia comenta que ela perdeu a mão, mas a nora diz que ainda vai arranjar provas que foi Júlia que alterou a receita.
Arnaldo regressa ao quartel e conta que tem o apoio de Manuela, mas assim que explica quais foram as suas palavras, fica no ar a dúvida. Domingos continua atrapalhado com o prazo para devolver o dinheiro, e por isso pede aos amigos que lhe emprestem, mas nenhum o pode ajudar.
Carmen folheia um antigo álbum de fotografias e são muitas as recordações com Pedro. Felícia junta-se a Carmen e aconselha-a a ler um livro em vez de estar a provocar dor a si própria.
Sofia e Luís fazem planos para o dia seguinte, mas de repente Sofia queixa-se de uma forte dor de cabeça.
Manuela promove um encontro com Romão e Rita, mas o resultado acaba por ter um efeito contrário ao que ela tinha em mente.
Ricardo conta a Gil que encontrou Sofia e Luís de mãos dadas, o que lhe custou muito. Comenta que Manuela ficou de o ajudar, mas que até aquela hora não fez nada. Ricardo conta ao amigo que também não está a viver uma boa situação familiar, pois os seus pais estão em vias de perder a casa.
Cremilde está triste com António, gostava que tivesse falado com ela antes de fazer aquele disparate, mas António não se mostra arrependido. Cremilde tem medo que ele vá preso.
Romão conta à mulher que o cobre está quase todo nos terrenos de Carmen. Manuela fica irritada por todos os assuntos da sua vida irem dar a Carmen, mas acha boa ideia Romão comprar as suas terras por bom preço.
Dulce diz a Sofia que Manuela andava à sua procura. Sofia diz-lhe que não a quis atender e comenta que foi falar com o seu pai e que gostou da conversa com ele. Dulce dá-lhe os parabéns e diz-lhe que tem boa impressão dele.
Carmen concorda com o plano de Luís e vai tentar obter financiamento junto dos bancos. O filho quer acompanhá-la. Felícia percebe que Rogério foi novamente a Montemor.
A aula de dança de Dulce está prestes a começar, mas percebem que não existem mulheres suficientes para os pares. A professora convida Telmo e Rogério a formarem uma dupla, mas a situação é desconfortável para Rogério que acaba por se ir embora. Entretanto toca a sirene dos bombeiros e Evelina e Arnaldo também abandonam a aula.
Valentim informa que uma queimada provocou um incêndio no pinhal. Os bombeiros seguem todos para lá, ficando no quartel apenas Domingos que está incumbido de arranjar o autotanque dois, para a eventualidade de ser preciso um reforço. Será o batismo de fogo de Arnaldo que se mostra muito entusiasmado. Assim que saem todos, Domingos despede-se do hamster dizendo que ele é que ficará a tomar conta do quartel.
Adelaide vai visitar Pedro e disponibiliza-se para o ajudar em tudo o que ele precisar, inclusivamente em aproximá-lo de Sofia. Pedro comenta, otimista, que acredita que no futuro vão conseguir estar juntos.
Cremilde queixa-se que ter ganho o festival da sericaia só lhe trouxe mais trabalho. Cremilde assiste ao programa de Manuela, que se dirige aos seus telespectadores de forma séria e dramática, dizendo que na última emissão um telespetador mal-intencionado quis denegrir a sua reputação e aconselha os seus telespectadores a livrarem-se do fardo que são as mentiras. Manuela convida-os a pedir desculpa a quem prejudicaram e oferece-se para os ajudar, que lhe podem ligar. Cremilde recorda com angústia as palavras que Manuela lhe disse na consulta acerca do seu marido.
Ler mais >

Episódio 36

  • Emitido em 2017-02-21
  • na RTP1
Pedro conta a Jorge que esteve com Carmen e que tiveram uma conversa difícil. Pedro diz-lhe que pretende concentrar-se em Sofia. Jorge acredita que ainda vão ser grandes amigos.
Manuela vai acordar Rita, mostra-se furiosa com ela e diz-lhe que vai ficar sem telemóvel até respeitar as regras de casa.
Cremilde vai para o concurso de sericaias e pede a António que tome conta do clube. Cremilde ainda está sentida com António por ele não ter ficado com ela na véspera e volta a acusa-lo de ter uma amante.
Alzira prepara a sua sericaia, ao mesmo tempo que troca algumas palavras azedas com a sogra. Alzira está muito confiante, mas assim que vira costas, Júlia pega no vinagre e depois no azeite e despeja, maldosa, na sericaia.
No quartel já está tudo a postos para o festival da sericaia. Valentim comenta que vai juntar o valor que foi pago pelo espaço, ao dinheiro obtido no arraial e vai depositar tudo no banco. Domingos fica apavorado e prontifica-se a ser ele a fazer o depósito, mas Valentim faz questão de tomar conta do assunto. Evelina e Arnaldo comentam que vai dar confusão e Domingos decide ir falar com Valentim e contar-lhe que usou algum dinheiro do arraial. O comandante, ao perceber de que Domingos se apropriou do dinheiro da corporação para investir no Almansinho, ameaça-o com um processo disciplinar.
Sofia e Luís vão almoçar, mas são surpreendidos por Ricardo que surge com uma atitude muito afável. Luís fica contente, mas Sofia mostra-se desconfortável, preferia que ele a odiasse.
Carmen comenta com Valentim que está inclinada a seguir em frente com o projeto da hidroponia, e, uma vez que tem de fazer o investimento que seja num sistema mais moderno, mas tem de negociar com o banco um empréstimo.
Romão conversa com o geólogo, que lhe confirma tratar-se de um jazigo com capacidade de extração de milhões de toneladas. Romão fica felicíssimo, mas o geólogo avisa-o que a maior parte está situada na herdade das Estevas, e que a parte dele não justifica o investimento, pelo que Romão fica furioso.
Jorge anuncia a sericaia vencedora, e, para grande espanto, é a receita da Cremilde. Alzira não percebe o que aconteceu e decide provar. Chega à conclusão de foi sabotada.
Valentim questiona Domingos sobre o dinheiro em falta. Ele diz-lhe que está a tratar do assunto. Valentim conta a Raul que Domingos desviou dinheiro do fundo para a ambulância, para fazer umas t-shirts do monstro, e pergunta-lhe se ele tinha conhecimento, mas ele nega. Assim que Valentim sai, Raul diz a Domingos que ele
devia ter fingido que tinham sido assaltados. Domingos comenta que não se lembrou dessa possibilidade.
Arnaldo pede ajuda a Manuela, oferece-lhe uma t-shirt, e conta-lhe da existência do monstro marinho da albufeira, mas ela mostra-se indiferente. Arnaldo insiste na ideia.
Romão conta a Gil que a principal jazida está na Herdade das Estevas, pelo que vai falar com Carmen para lhe fazer uma proposta de compra de uma parte do terreno, pois sabe que ela está com dificuldades por causa do temporal. Romão volta a sonhar com o seu sucesso e riqueza.
António está orgulhoso da sericaia de Cremilde, oferece uma fatia a Rogério e pergunta-lhe como estão a correr as coisas na herdade. António fica satisfeito ao saber que Carmen vai ajudar os seus trabalhadores apesar do mau momento que passa. Chega o inspetor da polícia e António é questionado acerca do alibi que apresentou: ida a Évora. Facto que nenhum dos fornecedores dele confirmou. O inspetor sai, mas promete voltar em breve. Cremilde pressiona António e ele confessa que foi ele que ateou o fogo na pecuária. Cremilde fica assustada e lembra-se das palavras de Manuela na última consulta.
Ler mais >

Episódio 35

  • Emitido em 2017-02-20
  • na RTP1
Cremilde está incrédula com o que acabou de acontecer no programa de televisão de Manuela - sem se aperceber de que foi Pedro que ligou - e comenta com Jorge e Pedro que se riem satisfeitos.
Manuela sai do ar e fica furiosa pela sua equipa não ter cortado a chamada. Telmo e Graça tentam anima-la, mas não conseguem. Manuela cancela todas as consultas do dia.
Evelina e Dulce contam a Sandra que a Manuela foi enxovalhada no programa por um espectador que disse que ela vendia substâncias nocivas. Evelina conta às amigas que tomou uns comprimidos daqueles para emagrecer, mas que o médico a tinha mandado parar. Sandra conta que vai a Paris com o seu namorado e que em breve todas as pessoas vão saber quem é.
Manuela toma um chá para se acalmar quando chega Romão que veio apoiar a mulher. Romão propõe ir resolver o assunto com Pedro, mas Manuela não quer a sua ajuda, tem de ser ela a tratar.
Pedro vai visitar Carmen e há um silêncio mágico entre os dois. Nesse momento os olhares falam mais do que as palavras. Carmen pergunta-lhe porque a abandonou, se foi porque chegou à conclusão que não a amava, mas Pedro diz-lhe que apesar de todo o amor dele, um amor puro, o destino não os quis juntos. Carmen defende que eles decidem o seu destino, mas Pedro lamenta que não seja verdade, mas gostaria muito que fosse.
Felícia vai pedir satisfações a Rogério por ter mentido a Valentim. Quando o sobrinho lhe conta que o fez para ir nessa manhã a uma aula de dança, nem quer acreditar. Felícia fica feliz pelo sobrinho estar apaixonado.
Gabriel vai estudar com a Rita, mas ela está sempre a trocar mensagens de telemóvel com o João. Rita conta a Gabriel que eles começaram a namorar. Rita diz-lhe que está apaixonada.
Pedro vai ter com Ricardo à farmácia e ameaça-o dizendo de que a denúncia já foi feita às autoridades de fiscalização de medicamentos, pelo que espera que ele seja homem para salvar o nome e reputação de Sofia e assuma juntamente com Manuela o crime. No entanto, Ricardo nega tudo.
Felícia comenta com Carmen que a visita de Pedro lhe fez baixar a febre. Carmen confessa que apesar de tudo isso que aconteceu no passado não consegue controlar o seu amor por aquele homem.
Rogério conta a Luís que a aula de dança não correu grande coisa. O amigo incentiva-o a insistir. Luís conta-lhe que no dia seguinte vai tirar os pontos e que depois ninguém o apanha em casa.
Dulce conta a Sofia o que aconteceu no programa da sua mãe. Sofia fica perplexa.
Manuela vai pedir satisfações a Pedro pela falta de coragem dele ao aborda-la em direto. Pedro não mostra qualquer arrependimento. Pedro comenta que Sofia não vai ser prejudicada na questão dos medicamentos a não ser que Manuela a implique nisto. Manuela põe a hipótese de ele querer abrir um consultório e que tudo não passa de uma estratégia para eliminar a concorrência, mas Pedro mostra que não tem o menor interesse nisso, só não aceita que ela explore as pessoas.
Cândida comenta com Adelaide o que aconteceu no programa de Manuela. Rita despede-se dizendo que vai sair, mas a avó questiona-a se tem autorização da mãe, ao que a neta responde dizendo que já não usa fraldas. Adelaide comenta que admira muito a coragem da sobrinha.
Cremilde dá a provar a sua sericaia a António e João. O marido diz-lhe que está ótima mas o filho acha que lhe falta qualquer coisa. João conta ao pai que é namorado da Rita, novidade que deixa António incrédulo. Cremilde pretende fazer um programa a dois com o marido, mas António já tem outros planos para essa noite. António vai preparar isco e convida-a para ir com ele, mas Cremilde desiste da ideia.
Arnaldo comenta o que se passou no programa com Domingos, e acaba por ter a ideia de pedir ajuda a Manuela, que é famosa e tem amigos influentes, para lhe arranjar uns jornalistas para fazerem a reportagem sobre o Almansinho, Raul tenta dissuadi-lo dessa ideia.
Ler mais >

Episódio 34

  • Emitido em 2017-02-17
  • na RTP1
Cremilde faz uma nova abordagem a António, tendo seduzi-lo, mas, apesar de toda a sua sensualidade, o marido diz-lhe que tem outras preocupações.

Manuela comenta com Romão que Pedro a visitou e que lhe disse que ia apresentar queixa às autoridades por causa dos comprimidos conterem efedrina. Manuela, vitoriosa, conta ainda que lhe conseguiu dar a volta para não o fazer, mas para isso precisou de falar em Sofia, mas de outra forma corria o risco de não o conseguir convencer a ficar calado. Romão comenta que é possível que Pedro faça a denuncia na mesma. Manuela insinua-se ao marido, mas Romão diz-lhe que está com muitas preocupações, mas precisa de descansar.

Pedro recebe a visita de uma mulher que lhe tinha pedido ajuda para o seu bebé e que vem agradecer. Sofia vai visitar Pedro e ouve parte da conversa, em que a mulher agradece e tece os maiores elogios ao seu pai.
Sofia conta a Pedro que está desiludida com a sua mãe, numa tentativa de perceber o motivo que o levou a afastar-se dela, e pergunta-lhe se Manuela lhe fez alguma coisa que o tenha motivado a partir. Pedro diz-lhe que nada do que a Manuela, ou qualquer outra pessoa, possam ter feito justifica a fuga dele e pede-lhe que ela se concentre no presente em vez de tentar entender o passado. Sofia fica desapontada pela resposta e vai se embora.

Luís liga para o doutor Jorge e diz-lhe que a sua mãe está pior, pedindo ao médico que a volte a avaliar.
Jorge conta a Pedro que Carmen tem estado doente desde o dia do temporal e que Luís lhe ligou a pedir que volte a vê-la, porque parece que piorou. Pedro pede a Jorge que trate bem dela e que lhe conte como ela está depois de a ver. Jorge fica contente pelo amigo estar disposto a ouvir o seu coração.

Felícia vai falar com Valentim para saber como está a decorrer o trabalho no armazém. Felícia pergunta-lhe por Rogério, mas, para seu grande espanto, ele diz-lhe que o seu sobrinho foi à cidade que ela lhe havia pedido. Felícia disfarça, fingindo que se tinha esquecido.

A aula de dança está a começar quando Dulce vê Rogério e pede-lhe que se junte ao grupo. Os casais começam a formar-se e Arnaldo deixa-se ficar para o fim para ter Dulce como par. Mas, para grande surpresa de todos, surge Dona Júlia, que acaba por fazer par com Arnaldo. Apesar da sua Idade, Júlia mostra uma boa energia e vai provocando Arnaldo para que ele dance com maior intensidade. Em determinado momento da dança, Arnaldo entusiasma-se e a sua parceira cai no chão. Ficam todos muito preocupados, mas tudo não passou de um susto e recomeçam a dança.

Alzira observa Gabriel, percebe que o filho não está bem, mas ele não quer falar no assunto. Alzira diz ao filho que se ele está triste pela Rita ter saído com o João, chegará um dia em que ele também vai ter uma namorada e ser muito feliz.

João conta à mãe que ele e a Rita já são namorados. Cremilde fica muito entusiasmada por ela e Manuela passarem a ser família e pede ao filho que trate bem a Rita para que nunca lhe lancem nenhum feitiço. Cremilde quer controlar todos os passos do marido, e ele conta-lhe que foi até à barragem e que viu máquinas a mexer nos terrenos de Romão. A mulher desconfia de tudo o que ele lhe diz, e volta a insistir com o marido que ele tem uma amante, mas António nega tudo.

Jorge avalia novamente o estado de Carmen, pede-lhe que o acompanhe ao hospital pois receia que tenha evoluído para pneumonia. Luís responsabiliza a mãe por não ter ficado a descansar como Jorge lhe havia aconselhado, mas Carmen confessa que estava demasiado preocupada com a herdade para se deixar ficar em casa.

Romão fala com o geólogo, pede-lhe os resultados das análises para o dia seguinte, mas Rodrigo diz que nessa data só será possível entregar um relatório preliminar que delimita uma área estimada para a jazida.
Ler mais >