Oriundo de uma família humilde de Pavia, Raúl mudou-se para Montemor em busca de uma vida melhor.

Não teve oportunidade de estudar, mas cedo se percebeu que tinha jeito para os negócios. É proprietário de um restaurante típico no centro de Montemor “A Sericaia”. Apesar de gostar do seu restaurante, cedo entrou para os Bombeiros da terra, pois já em Pavia tinha feito parte da corporação local. O dia a dia nos Bombeiros é que o faz vibrar, é naquele universo que se sente bem e útil. As emergências, o espírito de grupo e os arraiais preenchem-lhe a vida.

É casado com Alzira há vinte e cinco anos e está acomodado ao seu casamento e muitas vezes esquece-se de mimar a mulher, dando a relação como garantida.

Põe os bombeiros à frente de tudo.