Episódios

Próximos episódios

Episódio 3

O Império de Salazar
  • A emitir em
  • na
A Ditadura Militar e o Estado Novo herdaram o património colonial da Monarquia e da República liberais. Acentuaram a discriminação racial com o Estatuto do Indígena. Estenderam a imposição do trabalho forçado e liquidaram os derradeiros focos de resistência nativista.
Para os povos de África pouco mudava, a não ser para pior.
Ler mais >

Episódio 4

Norton de Matos em Angola
  • A emitir em
  • na
O general Norton de Matos foi dos mais importantes e controversos ideólogos estrategos do colonialismo português na primeira metade do século XX. A sua fama vem, não só do seu currículo colonial, mas de uma notável carreira política, tanto durante a primeira república como na oposição à ditadura militar e ao Estado Novo.
Indiscutivelmente, uma das figuras politicamente mais marcantes da primeira metade do século XX português.
Ler mais >

Episódio 5

Os Cárceres do Império
  • A emitir em
  • na
A produção historiográfica sobre as atividades da polícia política portuguesa nas colónias, antes e depois do início da guerra colonial, é quase inexistente. À exceção de trabalhos e investigações pontuais, a omissão seria quase total, como se o caso tivesse sido encerrado. Mas no labor contínuo da história não há casos encerrados.
Ler mais >

Episódio 6

O Colonato do Limpopo
  • A emitir em
  • na
Após a II Guerra, o Estado Novo vai reproduzir em África a típica aldeia portuguesa, transportando o mundo rural dos camponeses pobres portugueses para as colónias. A maioria deles tão pobres como a maioria dos camponeses africanos com quem conviviam.
Os Colonatos do Limpopo em Moçambique e da Cela em Angola são dois grandes exemplos deste processo.
No fim do regime, a industrialização colonial seria entendida como verdadeiro motor do povoamento. Era inevitavelmente tarde.
Ler mais >

Episódio 7

O Massacre de Batepá
  • A emitir em
  • na
A tentativa de forçar a população nativa de São Tomé e Príncipe a trabalhar como serviçais contratados nas roças vai estar na origem do massacre de Batepá ou guerra da Trindade.
Um acontecimento que mostra a natureza do colonialismo português e até que extremos de violência ela era capaz de ir em caso de desafio e de revolta por parte das populações que dominava.
Ler mais >

Episódios anteriores

Episódio 2

Diamang, Um Estado Dentro do Estado
  • Emitido em
  • na
A Diamang foi a maior companhia colonial do ciclo africano do Império e um dos cinco maiores produtores de diamantes do mundo. Em meados dos anos 50, ocupava na Lunda em Angola, o equivalente a quase um terço da superfície de Portugal Continental.
Governava com poderes majestáticos uma população de 80 mil pessoas.
Era um Estado dentro do Estado.
Ler mais >

Episódio 1

As Guerras de Ocupação
  • Emitido em
  • na
O moderno colonialismo começa com a corrida pela partilha de África entre os impérios e países coloniais europeus. Proibido o tráfico de escravos, tratava-se de ocupar militar e administrativamente os territórios e de os explorar economicamente em novos moldes.
É o início do ciclo africano do Império.
Ler mais >