ESTREIA: Fabrico Nacional – Dia 18 de maio, quinta-feira, às 21h00 na RTP1.

Catarina Portas leva-nos a conhecer produtos que fazem parte da nossa história.

Partimos país fora à procura de fábricas que são mais do que aquilo que produzem: fábricas antigas, várias delas centenárias, com muitas histórias para contar sobre o país que fomos e que hoje somos.  São testemunhos vivos dos tempos distantes em que nasceram, guardam a memória das figuras pioneiras que as fundaram, narram sucessos e desventuras ao longo de mudanças de regime, de hábitos novos e reviravoltas do consumo.

Numa economia que é hoje definitivamente globalizada, altamente tecnológica e impiedosamente competitiva, como resistem as nossas fábricas mais antigas e as suas marcas históricas? Surpreendentemente bem, é o que descobrimos nesta viagem pela diversidade da realidade industrial e tradicional portuguesa. Vamos descobrir como se fabrica, como se resiste e se inova no Portugal industrial –  conhecer melhor quem somos e como fazemos.

No primeiro episódio: “CHÁ GORREANA”

No século XIX, perante uma economia local condenada, os agricultores de São Miguel associaram-se para trazer do outro lado do mundo um par de chineses experientes. A Fábrica de chá da Gorreana, a mais antiga e raríssima plantação de chá europeia, conta o sucesso dessa história extraordinária e de um produto exótico que ganhou raízes no meio do Atlântico.

GALERIA DE FOTOS