Temas

Microsoft cria relógio que ajuda doentes de Parkinson a escrever de forma legível

Haiyan Zhang, investigadora da Microsoft Research, desenvolveu um relógio de pulso diferente, capaz de ajudar as pessoas com a doença de Parkinson a escreverem de forma mais precisa.

A doença – que afeta mais de 10 milhões de pessoas em todo o mundo – é conhecida pelos tremores musculares que causa, o que implica com a clareza de movimentos de quem dela padece.

O projeto desenvolvido por Zhang foi inspirado na designer gráfica Emma Lawton, amiga da investigadora, que deixou de conseguir escrever de forma legível desde que lhe foi diagnosticada a doença de Parkinson. Por isso mesmo, o protótipo do relógio chamou-se Projeto Emma.

Como funciona?
A vibração incluída no relógio distrai o cérebro de Emma, acalmando os nervos musculares que implicam com a mão e facilitando a escrita. Emma parece aliviada: “Não vai ficar perfeito. Mas, meu Deus, está melhor!”

As vibrações são controladas por uma app num tablet com o Windows 10 e podem ser ajustadas de acordo com o utilizador. Zhang demorou vários meses até ter uma versão que Emma pudesse experimentar, mas comprometeu-se a continuar a desenvolver esta tecnologia usando técnicas de aprendizagem automática. O objetivo será desenvolver modelos que avaliem o nível da doença de Parkinson e estratégias que a bloqueiem ou neutralizem os sintomas.

Vê aqui a primeira reação de Emma à invenção da amiga.

Buzz do momento