Temas

Há uma árvore no centro de Lisboa que carrega telemóveis e dá internet

Chama-se VTree, não precisa de ser regada mas alimenta-se de sol e distribui internet de graça.

A Praça do Município ostenta desde fevereiro um novo elemento decorativo, que tem também uma utilidade cada vez mais essencial.

Chama-se VTree e assemelha-se em tudo a uma árvore branca com painéis fotovoltaicos como frutos.  Faz parte de uma iniciativa integrada no programa europeu Sharing Cities, empenhado em tornar cidades como Lisboa, Londres e Milão mais inteligentes e sustentáveis. Por cá, é coordenado pela Câmara Municipal de Lisboa; entende-se pois que tenha sido escolhida a Praça do Município como primeira casa deste item tão particular…

VTree | Foto: Smart Cities

Esta solução tecnológica permite assim aos transeuntes carregarem os seus aparelhos, através de portas USB que se situam na base, e absorverem internet da VTree. O investimento total foi de 25 milhões de euros e teve origem no programa Horizonte 2020, com a ideia a ser desenvolvida por uma start-up portuguesa com o mesmo nome.

São 5 metros quadrados de painéis fotovoltaicos que captam a luz do sol e distribuem essa energia para ser usada pelos vários gadgets, enquanto disponibiliza uma ligação wi-fi até 30 mbps. No entanto, se por lá passarem à noite, é possível ver umas luzinhas simpáticas a iluminar a praça.

O site oficial do projeto mostra que algumas destas árvores até já são capazes de carregar carros elétricos.

De acordo com uma entrevista dado pelo co-fundador da VTree ao site Smart Cities, a árvore foi inspirada nas florestas da Transilvânia, na Roménia, país de origem de dois outros fundadores do projeto.

 

Buzz do momento